Me sentindo melancólico por não entender a melancolia de Lana Del Rey

Chega um momento que você quer parar de pensar em festa, provavelmente aquela terça-feira em que você ainda tá sentindo o porre que tomou no sábado, e nesse momento uma nostalgia invade a sua alma. Que antigamente tudo era mais simples, que era só juntar uma dúzia de tampas de refrigerantes pra trocar por algum badulaque na padaria e você ainda sentia que tava saindo de graça. A Lana Del Rey foi feita pra essas meninas que, passada a euforia pós-noitada, querem se sentir pessoas densas e conflituosas.

Lana Del Rey é tipo uma foto do instagram que canta. É vender o lirismo que existe na decadência do glamour. É claro que ela é rica e deve ter o ventre tratado como o Santo Graal, mas ela pinta essa onda de atriz da década de 50 que é viciada em Prozac.

Mas não é só melancolia que ela causa em mim, existe um sentimento mais sofisticado: o constrangimento.  Ela passa uma sofisticação tão grande que eu me envergonho de ser eu. Cada segundo que eu vejo e ouço essa mulher eu imagino o quão raso são meus sentimentos e que eu devia ter vergonha de estar bebendo Guaraviton. Eu devia estar bebendo algo mais sofisticado sei lá um Ice Tea de pêssego!!

 

Olhe para mim e se sinta mal por não entender toda sofisticação dos meus sentimentos

 

Me sinto envergonhado por não entender a melancolia dos subúrbios americanos. Experimentei ouvir “Alagados” depois de ouvir “Video Games” e me senti o lixo mais superficial do terceiro mundo. “Eu ando muito otimista”, disse pra mim mesmo, e não existe nada mais obtuso e raso que o otimismo. Tenho que parar de ouvir Lulu Santos e começar a pensar em parque de diversão desativado, que eu acho que é essa onda meio Lana Del Rey né? Carrossel enferrujado e tal.

 

LANA eu não tenho Coney Island mas tive Tivoli Park por favor me add

Acho que eu preciso mesmo é disso, de uma coisa meio pop-dark, meio clipes da Marina Lima no começo da MTV, um lance meio “caixinha de música que foi da minha avó”, quem sabe assim eu não me livro desses problemas mundados tipo não ter nada feito pra janta e eu com preguiça de sair pra comprar um Cup Noodles na loja de conveniência.

Anúncios

14 comments

  1. douglas (@lokocorreia)

    o estilo dela é uma coisa meio depressiva daquelas que vc tá otimo com os amigos e festas no fds porém no resto da semana em vez de esperar pra curtir mais o fds dinovo, não ,vc tem uma sensação vazia de que não foi um fds bom e foi teatral e ela é totalmente isso talvez tanta gente se identifique com esses estilo lana del rey de ser !! ps:queria muito falar sobre isso em algum post e boom apareceu valeu hehe

  2. Mariana

    Cara, a Kristen Wiig do saturday night live fez uma parodia dela ce viu?
    Sei lá cara… me irrita que as pessoas pensem que uma coisa dessas é “a salvação da música”.

  3. GUIJA

    “Lana Del Rey é tipo uma foto do instagram que canta” é a melhor definição que será feita em toda a imprensa durante a íntegra da trajetória dessa moça (i.e., até maio), parabéns.

  4. Edu

    Cara, essa mina tem tanto botox na que ficou com um duck face enterno na boca. Sério, imagina quando virar uma socialite velha.

  5. Danilo

    Acho que ela ficou “amarga” desse jeito porque flopou sendo ela mesma… teve até que mudar de nome a coitada…

  6. antonio

    é tipo querer causar comoção nos americanos do brooklyn mostrando uma música do criolo ou do belchior… não vai rolar

  7. Lucas Prata (lpfortes)

    Ela é a epítome daqueles albuns com imagens europeias, filtro retro e frases de “efeito” em helvetica que as meninas que sofrem da sindrome liztomania possuem em seus <>. Caloroso abs.

  8. Jhonny

    Na boa, eu gosto do estilo dela… BORN TO DIE é um CD para um público específico, todas as faixas beiram a melancolia e tem gente que gosta assim, eu sou um deles…quem não gosta não deve ouvir, simples assim… Não é como se fosse Adele que vc é obrigado a ouvir até na sala de espera do dentista, Lana Del Rey não está TÃO espalhada pela mídia assim…Quem não quer ouvir é só não pesquisar o nome dela no Youtube…. é bem fácil…. deixem Lana pra quem gosta ;]

  9. Ana Paulla Diniz

    Lana del Rey é uma cantora bem admiravell e muito Linda! Gosto das musicas della, mais tambem acho ella muito triste (( depressiva )) .. :S

    Piior é que ella combina com esse estillo, … e essas letras . Mais ella deveria fazer umas musicas trsites e outras allegres. coo toda booa Cantora faz!

  10. Marcus Vinicus

    Hhahahaaahahaha….

    “Cada segundo que eu vejo e ouço essa mulher eu imagino o quão raso são meus sentimentos e que eu devia ter vergonha de estar bebendo Guaraviton.”.

    só pessoas de verdade tomam guaraviton!!

    esses dias eu vi q existem uns óculos que vêm com filtro do instagram (pra quem sabe deixar a vida um pouco menos mainstream…). O mais engraçado é o slogan: “Instaglasses: Filters for Real Life”.

    Fiquei matutando quão discordante deve ser ir ao mercado, com dinheiro contado pra comprar caldo de carne usando a porra do Instaglasses.

    Essa gente precisa de guaraviton direto na veia.

    Parabéns pelo blog e pela lucidez.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s